Desencaixotando Rita

Desencaixotando Rita

terça-feira, 16 de junho de 2015

"on being seasick at dryland"

        dentre todos
os sólidos vapores
   que habita, saiba
 : não é verdadeiro
   em absoluto que
                    quem
planta      v e n t o
há de colher
 tempestade

: o golpe no flanco
vem da água
          [ não ]
da cicatriz
vacilante da margem.



essa beleza perigosa
                que orbita
[[ em camadas concêntricas ]]
não tem pouso
           em orla,
            apenas
em queda, profundeza
estelar          
      de cauda.

-- contudo há um gesto metálico,
 uma vivência de península
    que instaura um silêncio
de pura calma, que produz prurido.
umbigo de garça
a religar os colapsos, para acender
                  teus olhos com passadas
                                          sincopadas
                                  de mar e névoa.