Desencaixotando Rita

Desencaixotando Rita

terça-feira, 9 de setembro de 2014

"ex-vênus"

para leonardo

este é todo teu, garotinho,
o habitante litúrgico, lisérgico 
do meu sonho-arquipélago.
juntos, povoamos o sargaço, 
pilotamos caravelas anacrônicas
             como o amor 
[e como o que eu escrevo]
mas o que te escrevo, meu morcego,
escrevo de outro lugar, 
uma constelação qualquer, serena,
colonizada por hordas decaídas
que cantam e guincham, 
como nós, os convivas heterônimos
                                 da nossa língua.
sou tua ex-vênus corrompida, antimusa
alegórica e marinha; espero que reconheças
a tarefa sísmica e a mulher que não sabe, que 
não sabe, não sabe o que fazer
com estas ogivas que pendem 
como olivas 
e matam lentamente.  


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentam por aí...